Ubatuba confirma morte de grávida por nova gripe na cidade

13/08/09 – 21h26 – Atualizado em 13/08/09 – 21h27

Nesta quinta, São Vicente confirmou a morte de uma criança indígena.
Governo de São Paulo confirmou 111 mortes no estado na quarta (12).

Do G1, com informações da Tv Vanguarda

var midiaEmbed = { tema: “cinzaEscuro”, imagem: ‘/GMC/foto/0,,21640150-EX,00.jpg’ , banda: ‘TIPO_TXT’ , corFundo : “FFFFFF”, corFonte : “000000”, corLink : “FF00FF”, corBorda : “00FF00”, autoStart: false, midiaId: 1102673 }; var embed = new GMCEmbed(midiaEmbed); embed.print();

Um gestante foi vítima da nova gripe em Ubatuba, a 226 km de São Paulo, na madrugada desta quinta-feira (13). Ela estava grávida de sete meses e foi internada na Santa Casa da cidade na segunda-feira (3). Com esta confirmação, chega a nove o número de mortes pela doença na cidade.

Também nesta quinta, a Prefeitura de São Bernardo do Campo, no ABC, recebeu do Instituto Adolfo Lutz a confirmação do terceiro óbito causado pela gripe Influenza A (H1N1) na cidade. A vítima foi um homem de 38 anos, com quadro de doença respiratória aguda grave. Ele morreu em 1º de agosto.

Em São Vicente, no litoral paulista, a Secretaria de Saúde confirmou a morte de um bebê indígena pela nova gripe. Segundo as informações da secretaria, a criança tinha três meses e estava internada no Hospital Estadual Guilherme Álvaro, em Santos, também no litoral paulista.


A criança começou a passar mal na aldeia, na praia de Paranapuã, em São

Vicente, e foi levada para o hospital de Santos, que é centro de referência para tratamento da nova gripe na região, mas não resistiu. Ele morreu na sexta-feira (7). Segundo a prefeitura da cidade, a criança apresentava quadro de desnutrição.

Também em Santos, houve a confirmação da segunda morte pela doença na quarta-feira. A vítima era um homem de 41 anos, que morreu no dia 6, em um hospital particular.

A Secretaria estadual de Saúde de São Paulo informou na terça-feira (12) que o estado registra 111 mortes por causa da nova gripe.

Gripe A H1N1

Fale com o Ministério

Antes de enviar sua mensagem consulte a seção Perguntas Freqüentes. Sua dúvida já pode estar respondida. Caso queira registrar uma reclamação ou denúncia preencha o formulário abaixo. Você também pode ligar para o Disque Saúde – 0800 61 1997, a Central de Teleatendimento do Departamento de Ouvidoria Geral do SUS, para receber informações sobre doenças e registrar reclamações, denúncias e sugestões.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: