Pais de Madeline acreditam que a filha está viva

LONDRES – Gerry McCann, pai da menina Madeleine McCann, desaparecida há quase um ano em Portugal, acredita que a filha está viva, segundo afirma em documentário feito depois de visitar um centro nos EUA especializado em casos de menores perdidos. No programa, que será exibido no próximo dia 30 na rede britânica ITV, o pai da menina admite que crê que ela está viva em algum lugar.

– Realmente creio nisso – afirma.

O filme mostra os pais de Madeleine – Gerry e Kate McCann – nos EUA, onde se interessaram pelo sistema de “Alerta âmbar”, posto em funcionamento quando desaparece um menor. Dos seqüestros de crianças nos EUA, 40% a 50% terminam com a morte do menor, e que quanto mais novo é menor a possibilidade dele ser maltratado, explicou McCann.

– E estas pessoas são experientes em investigações – disse Gerry sobra as informações recebidas nos EUA.

Durante a viagem ao país, os pais de Madeleine se reuniram com Ed Smart, cuja filha Elizabeth, de 15 anos, ficou desaparecida por nove meses antes de ser encontrada sã e salva. Smart apoiou uma campanha nos meios de comunicação para alertar sobre o caso de sua filha até que ela foi reconhecida por uma pessoa na rua enquanto estava com seu seqüestrador. O pai de Elizabeth Smart está em contato com os McCann há mais de dez meses, mas eles só se viram pela primeira vez durante esta visita dos pais de Madeleine aos Estados Unidos.

Os McCann visitaram o Centro Nacional de Crianças Desaparecidas e Exploradas, que lhes informou que 80% dos menores desaparecidos são encontrados 72 horas depois de ativado o sistema de “Alerta âmbar”. O mecanismo consiste em denunciar rapidamente o desaparecimento de um menor para que os meios de comunicação e a polícia alertem e trabalhem sobre o caso.

No documentário, cujo conteúdo foi adiantado neste domingo pelos meios britânicos, a mãe de Madeleine disse que ainda tem esperanças de encontrar sua filha e confia que na Europa se pode aplicar um sistema similar ao utilizado nos EUA. Os pais da menina britânica visitaram recentemente o Parlamento Europeu para dar seu apoio a um mecanismo rápido de alerta que permita localizar menores desaparecidos.

Madeleine desapareceu no dia 3 de maio de 2007 do quarto em que dormia com seus irmãos em um hotel de Praia da Luz, no Algarve (sul portugués), enquanto seus pais jantavam em um restaurante próximo. Desde então, os McCann empreendem uma intensa campanha para pedir à população que lhes ajude a localizar a filha.

EFE

Uma resposta to “Pais de Madeline acreditam que a filha está viva”

  1. edite maria silva ourique couto Says:

    ola sou da ilha terceira açores e gostava de dizer que enquanto a vida a esperança ……………. bjs

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: